Menina de 9 anos estuprada, grávida de gêmeos.



Menina de nove anos, que foi estuprada em Alagoinha- Pernambuco pelo padrasto (que na minha opinião deveria ser capado sem anestesia), foi submetida a um aborto para interrupção da gravidez gemelar na manhã desta quarta-feira na maternidade Cisam, vinculada a Universidade de Pernambuco, no Recife.

O padrasto que confessou o crime, Jailson José da Silva está preso na delegacia de Pesqueira (agreste de Pernambuco).

Além do fato dessa criança ter sido violentada, brutalmente, por um ser que me recuso chamar de HOMEM, com seu corpo pequeno e ainda não totalmente formado, eu lanço aqui uma pergunta:

- Porque os líderes católicos são terrivelmente contra o aborto, pois segundo reportagens, todas as pessoas envolvidas no procedimento foram excomungadas da igreja católica.
Imagine, uma menina de apenas nove anos, que sequer sabia do seu verdadeiro estado, grávida de gêmeos, que trauma para essa família, eu, particularmente acho que nesses casos, a gravidez deve sim ser interrompida, mas é minha pequena opinião.


Eu, que tive meus filhos gêmeos (um casal) com idade normal e adulta, passei por uma gravidez complicada e de risco, passando muitas vezes por sérias internações para acompanhamento da gestação! Imagine uma criança! Com nove anos, tendo que carregar em seu útero mais duas crianças? Correndo até risco de morte??
Me pergunto também... Será que não é um pouco de hipocrisia da "Igreja" querer segurar uma gestação a qualquer custo, mesmo que isso implique na morte da pequena criança grávida??
Pense nisso...

Num país, onde se vê milhares de crianças jogadas nas ruas, sem escolas, sem educação e cultura.

Sou a favor sim não só da interrupção da gravidez no caso de estupro como também da castração do ser abominável que comete essa atrocidade.!

25 comentários:

  1. esse assunto não tem que ser discutido.
    Quando tocam neste tipo de assunto fico com medo de onde esse mundo vai parar e não adianta contar coma igreja. ela é a maior responsavle pelos absurdos que infestam o mundo.

    ResponderExcluir
  2. infelizmente isso eh uma vergonha p/ um pais como o nosso

    ResponderExcluir
  3. Concordo com o que o Tom disse que a igreja é responsável por muitos absurdos... mas acho que devemos sim falar e discutir o assunto, nada deve ser jogado pra debaixo do tapete, pois acho as leis brasileiras uma piada, e devemos sim debater esse assunto.

    Garra: vergonha é demais nesse país... Abração a todos!

    ResponderExcluir
  4. Posso ser apenas uma adolescente de 16 anos, mas tenho meu senso-crítico e minhas opiniões formadas, por mim própria. Então me pergunto: Por que a Igreja toma essa posição tão cega ? Excomungar pessoas envolvidas em praticamente um salvamento, pois nenhuma criança poderia carregar outras duas crianças. (na verdade, acho que ser excomungado, é uma alforria, né ?) O que leva a Igreja Católica a tomar tão drástica atitude tendo PLENA consciência que, talvez nenhuma das três crianças sobreviveriam ? Por que não posicionar uma atitude contra o criminoso que cometeu tal brutalidade ? E porque ser tão rude com essas pobres pessoas e tentar esconder, inutilmente, tantos casos COMPROVADOS de pedofilia e abuso sexual por parte de padres, por todo o mundo ? Tenho nojo da Igreja católica desde que tomei conhecimento de suas práticas e atidudes cometidas na Idade Média. E essa perversidão vêm se alastrando cada vez mais. Fico indignada com tamanha Brutalidade e com tamanha ignorância. Talvez eu seja descriminada por meu ponto de vista, talvez aplaudida, mas não cabe a mim julgar, apenas expor meu ponto de vista, que ao seu ver pode ser mais uma estatística e ao meu ver, digo: meu pensamento diz o que eu sou ;)
    Que se faça Justiça . A Justiça de Deus ' A Justiça que olhe para os fatos da maneira como eles realmente são, e não por preceitos e regras humanas que variam de acordo com a fé, talvez, fé depositada em coisas e vãs '

    Camila Taíse ♥

    ResponderExcluir
  5. Poxa Mila... amei seu coment!!! Futura médica!
    Sou feliz por você fazer parte do meu dia-a-dia.

    Te amo ♥

    ResponderExcluir
  6. *-----------*'
    se Deus quiseer, médica da USP ;D
    see páaH to estudando pra isso, né ?
    ou ministraa da Economiia ;
    queem sabee '

    menos católica '
    NUNCA ;x

    te amoo mãae ♥

    ResponderExcluir
  7. É impressionante até que ponto as pessoas chegam =/

    Mas sobre ser capado sem anestesia, isso me lembrou um filme: Menina má ponto com

    ResponderExcluir
  8. AUSHUASHUAHSUAHUS ' caapadoo = ideiia da minhaa mãe .
    sem anesteesiia = miinhaa ideeia (6) '
    Mas see páh nem sou a meninaa mah nãoo ;D
    mas se fossem capar sem anestesiia, queeriia veer a caraa do cidadão sofreendoo .
    não seriia nada perto do que ele fez a garota sofrer '

    (y'

    ResponderExcluir
  9. A igreja católica é abominável, suas atitudes são execráveis.
    Pena de morte ao estrupador e aos padres como esses.

    sem mais

    ResponderExcluir
  10. A religião em si faz muitos desastres...

    Se apegam em coisas que Jesus nos libertou, como podem colocar em risco a vida de uma menina e não apelam pra o bom senso? Fico indignada!Excelente alerta amiga! S2

    BJS

    ResponderExcluir
  11. Falou tudo Renatinha!!!
    Enquanto as pessoas se apegam à religião, deixam de lado o verdadeiro sentido da vida.

    Beijos
    amo-te

    ResponderExcluir
  12. Porque este Estado, supostamente laico, tem de dar voz a esses anciãos com terço na mão? Me parece até um retorno a TFP (Tradição, Família e Propriedade), só que repaginada.

    A criança mais nova a engravidar e ter um bebê na história foi uma peruana de cinco anos de idade. Por lá houve o mesmo imblóglio, só que mais místico: acreditava-se que que ela era uma "enviada de Deus", uma "nova virgem Maria" e que por isso não poderiam interromper a gravidez. O governo peruano não permitiu a saída da menina para os EUA (um instituto de pesquisa ofereceu a ela o pagamento do estudos para toda a vida para que o caso dela fosse estudado) alegando crime contra moral ela. O resultado foi que incrivelmente ela teve a criança, sobreviveu ao parto e o pedófilo nunca foi descoberto. Só que ela morreu com 39 anos. vítima de uma "doença misteriosa".

    Ou seja, despistaram o foco da questão que era risco de morte da criança e a responsabilização do criminoso por questões morais e cristãs.

    Esse modelo de Estado, que sempre está ao lado de alguma religião, é o principal responsável pelas carnificinas e barbaridades do nosso tempo. Parabéns pela reflexão.


    Um abraço

    ResponderExcluir
  13. Michel, e ainda se pesquisarmos, vamos encontrar histórias mais tristes ...
    Vale a pena debater sim! É por causa do silêncio das pessoas que essas coisas continuam acontecendo! Obrigada pelo coment

    ResponderExcluir
  14. cada dia que passa, esses tipos de coisa tem se tornado comum..o que é uma pena.
    A violencia so tem aumentado, no brasil e no mundo. concordo com vc !!


    http://www.nadadelicada.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  15. Eu acho um absurdo uma coisa dessas acontecer, claro, todos reclamamos de direitos humanos, reclamamos pela violência em excesso...
    Eu acho que nunca serei capas de imaginar o quão um ser humano pode ser tão burro de trocar o prazer indivudual pela tristeza de uma criança.

    Bom, mas esta é a realidade em que vivemos e com certeza se as pessoas não mudarem isto nunca vai mudar e se mudar, com certeza não será para melhor

    Já adicionei seu banner, parceiros agora =D

    ResponderExcluir
  16. Muito legal o seu espaço/blog/estilo!

    Gostei muito!

    Magno

    **
    Blog atualizado! (noite de 05/03):
    *
    "Passos por passos. Olho o mundo como quem olha para uma criança recém-nascida. Olho para a criança como quem sente-se recém-nascido. Passos por passos. Saltos além dos muros em chamas. Driblo minha energia. Converso com minnhas certezas. O dia está na linha a ser preenchida... Escrevo, neblina, sobre a minha mudança para o segundo seuguinte. Chovem segundos, terceiros e minhas vírgulas se tornam pontos..."
    *
    Continue lendo... Acesse: http://selvabrasil.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Meus DEUS...toka e transforma em carne esses S2 de pedra...é um absurdOo completo e é deplorável ler algo assim...como pode um ser humano fazer isso com o outro!!

    LindoOo blog...gosteii muuitOO...agradeçOOo de S2 a visiitaa...e volte sempree!!^^

    bJuh

    ResponderExcluir
  18. Oii Vanda,
    obrigado por ter me linkado,
    e claro que aceito parceria.
    Seu banner já está nos meus recomendados..
    Espero que sempre possamos realizar trocas.
    Beijos e Parabéns pelo blog.

    ResponderExcluir
  19. eu vi essa materia..achei uma coisa abisurda..oke aconteceu...ta certa em fazer o aborto sim...agora sobre a igreja,achar certo ou errado,,,e pq não foi com eles...tem caso que e necessario o aborto...e nesse caso e um deles...esse tipo de assunto e pra se debater muito ainda...
    http://verdadesentrementiras.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  20. Oi Vanda.. Boa tarde...

    Ontem fiz um post sobre esse assunto...
    Infelizmente são dois absurdos que acontecem nesse caso.
    O primeiro é que o monstro do padrasto pode pegar apenas e tão somente 10 anos de cadeia, o que no meu pensamento, seria passível de pena de morte!

    O segundo absurdo é uma Igreja que prega o amor ao próximo preferir a morte de uma criança à salvar a vida dela... Apesar de eu ser católico, não concordo em hipótese alguma com o Dom José, que na minha opinião é outro monstro. Ele deve ter esse pensamento porque não é a filha dele e não é ele que teria que criar duas crianças indesejadas ainda por cima tendo sequelas e traumas que a mãe teria...
    Ele tem mais é que ficar quieto.
    Toda vez que a Igreja se mistura em assuntos polêmicos como esse, acaba faendo besteira! Depois reclama que está perdendo fiéis!

    Se quiser dar uma olhada no meu post, vai o link:

    http://opinenoblog.blogspot.com/2009/03/os-absurdos-da-terra.html

    Beijos...
    _______________________________________________
    Visite: http://opnenoblog.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. É mesmo um absurdo a realidade que estamos vivendo hoje em dia. :(

    ResponderExcluir
  22. Isso é sim um absurdo por parte de qualquer igreja, n s pq a criança corre risco de morte, mais tbm pq n é da conta de religiao nenhuma o que cada um faz da vida!

    ResponderExcluir
  23. Acho que as pessoas devem fazer o que é certo - e nesse caso, ter interrompido a gravidez da menina de 9 anos que foi violentada - e não ficar se preocupando com a igreja. A igreja tem que aceitar que não faz mais parte do estado, como era no passado.

    ResponderExcluir
  24. eu acho um absurdo a igreja catolica se meter em um assunto tao pessoal que so diz respeito a familia da criança.Sem falar que ela tambem nao admite o uso de contraceptivos!!!um absurdo entao temos que ter 1 filho por ano?ninguem merece!tenho23 anos sou mae de um casal de gemeos de 2 meses e quase nao chego ao 6º mes imagine essa crianca?

    ResponderExcluir
  25. para a igreja, matar é normal.
    ouve uma tempo chamado ínquisição. ou seja. se vc tomasse um remédio para dor de cabeça, deveria ser queimado vivo. motivo= tomar remédio é bruxaria.e as bruxas deveria morrer.
    nos dias de hoje, a igreja tenta barrar muitas pesquisas científicas que poderia salvar a vida de muitas pessoas.
    revistas é jornais, mostra a corrupção de padres há todo momento, que explora sexualidade de mulheres e crianças.isto eu já cansei de ver.
    o uso de preservativos nas relações sexuais é pecado:mesmo que vc morra de doenças sexualmente trasmissível.
    o uso de antconsepsional então, mem pesar:mesmo que a população do mundo possa chegar há trezentos bilhões de habitantes.
    a igreja católica é bem mais política que religiosa. se esconde por traz de Deus para manipular o mundo da política. é sobrevive da exploração do dinheiro de pessoas que nada tem.
    é assim que eu vejo tudo isso.

    ResponderExcluir

Política de moderação de comentários:

Você têm a liberdade de comentar, elogiar ou criticar desde que seja educado e responsável pelo que vai escrever aqui.


Obrigada pelo carinho!